2017-2021 • GESTÃO INDEPENDENTE, DEMOCRÁTICA, DE BASE E DE LUTA!

Notícias

Fique por dentro de todas as atividades do sindicato.
23 dez

FELIZ 2021 !!

A APP Sindicato – NS Londrina, deseja a todos um 2021 muito melhor em todos os sentidos e que o espírito do natal possa nos trazer um pouco de paz e tranqüilidade para que possamos, minimamente, nos recuperar deste terrível e desgastante ano independente de nossas crenças e fé, apesar das quase 190.000 almas que se foram para outro plano e do massacre que este governo impõe a todos nós, sem exceção, este é o desejo de todos nós desta diretoria.

Os(As) Diretores(as), Márcio André, Neide Alves, Bete Eva, Sandra Rocha, Sueli Lopes, Mara Cristina, Vanessa, Zélia Dalagnol, Conceição, Maria Helena, Mirian do Prado, Rose, Sidnei Paduan, Rogério Nunes, Antonio Marcos, Oswaldo de Brito, Edmundo Novaes, Flávio Danc’s, Daniel Franz, Luiz Rosin, Jonas Costa, Nelson da Silva e do Anderson Oliveira, são os companheiros(as) que tem tentado ajudar a nos defender das agressões da SEED neste ano e em todos os momentos anteriores, juntamente com vários de nós que não estão na diretoria mas nem por isso são menos importantes, ao contrário, são o motivo da existência desta entidade pois não se luta só e juntos somos muito mais fortes do que sozinhos.

Sempre defendemos uma educação pública gratuita, laica, livre de preconceitos, de qualidade, emancipadora e humanizadora, sem abrir mão do rigor científico e continuaremos defendendo-a, assim como a valorização real da educação pública e de nós educadores. A escola tem um papel social central na nossa tão desigual sociedade mas a sociedade precisa deixar de pensar a escola pública como depósito dos seus filhos ou como mero instrumento facilitador de entrada no “mercado de trabalho”, a educação que objetivamos é muito mais que isso, ela prepara as pessoas para o “mundo do trabalho”, para a vida em sociedade, uma sociedade mais justa, igualitária e livre de preconceitos.

Na contramão de tudo que defendemos, a SEED encerra o ano publicando uma nova instrução normativa que define um novo currículo onde disciplinas de humanas como sociologia, filosofia e arte, são quase que extintas e propõe uma disciplina financeira para ensinar a mexer com “dinheiro”, exonera diretoras(es) de escolas eleitas(os) democraticamente para tal, com a ameaça da demissão de mais de nove mil funcionárias(os) PSS, de escolas, agentes I e II, a demissão de quase trinta mil professoras(es) PSS, com a inviabilidade de progressões e promoções de carreira para os QPM e para os QFEB ou seja, todos os segmentos completamente destruídos e isso é só uma pequena parte de tudo que tem acontecido pois seria muita coisa para abordarmos em todos os ataques que sofremos nestes últimos anos.

Tudo isto é conseqüência das decisões que tomamos pois, infelizmente, não há como negar a política, ela nos cerca por todos os lados e negá-la só nos trás à condição na qual nos encontramos hoje, um governo (patrão) Liberal, com um secretário/empresário (patrão) mais liberal ainda. Por princípio, todo liberal é contrário a estrutura do estado, conseqüentemente, contrário à existência do funcionalismo público (nós) então, quando não temos este conhecimento e elegemos prefeitos, governadores, vereadores e deputados estaduais com esta visão de mundo, estamos tecendo as cordas que serão penduradas em nossas próprias forcas e por isso temos a obrigação de insistir, não temos o direito de querer negar a política. Só há um culpado e responsável por absolutamente tudo que está acontecendo e tem nome e sobre nome: Carlos Massa Jr (PSD) e seus prepostos Renato Feder e chefes de NRE’s juntamente com deputados estaduais, eleitos na nossa região, que sempre estão ao lado do governador como Cobra Repórter(PSD) e Tiago Amaral (PSB).

Apesar de tudo, precisamos manter a força, a esperança de que dias melhores virão, sob pena de desistirmos de uma vez e isso não pode acontecer, independente das dificuldades pois, “A luta que perdemos é aquela que deixamos de lutar”. É triste e desanimador, nós sabemos, falar tanto em luta, ataques, derrotas e retrocessos mas, faz parte das nossas vidas de professoras e professores, funcionárias e funcionários de escolas, desde sempre, sonhamos e almejamos por melhores condições na educação pública do Paraná, sabemos que isso não será possível com este secretário/empresário que aí está logo, nos resta respirar fundo, recuperar as energias e nos prepararmos para um 2021 de muitos desafios e, para tanto,

DESEJAMOS UM FELIZ 2021.

Direção Regional do Núcleo Sindical de Londrina da APP SINDICATO.

APP Sindicato Londrina.
Gestão Independente, democrática, de base e de luta.